September 04, 2021

O amor da amizade

article preview

🎧 Escuta a mensagem de voz de La Jardinera

Está uma brisa agradável, em um canto lindo do jardim, reflete muita luz, muita paz. Existem algumas plantas maravilhosas sálvia, kalanchoe, outras flores cor-de-rosa muito bonitas. As de mel, e outras alegrias da casa ou impacientes. Os cravos da Índia, os passarinhos e nós temos um soldado que guarda este canto .

É um soldado de terracota, que encontraram colocamos neste canto porque será nosso guardião.
Quando vocês vierem aqui, verão que canto lindo na Rosa dos Pirineus. Em meio a cerejeiras, macieiras, pereiras, uvas, ameixas, ameixas claudia, ameixas de todos os tipos e principalmente a uva. Mirabelle , uma ameixeira e uva, tem de tudo e morangos também quando é época. Essa lembrança vai para a Hilda, porque ela é a nossa catadora de morangos, é ela quem se dedica a colhê-los.

Nos preparamos bem para compartilhar com minhas sementes, que estamos em outro novo canto novo desta casa que vocês irão descobrir.

Mas, acima de tudo, o verão está acabando. Setembro já começou aqui, vocês na América quem sabe já estão terminando o inverno , e estão se preparando para a primavera, mas ainda temos aquele sol que está quente e não é tímido. É suave, mas tenaz e nos convida a relaxarmos, a ficarmos bem, para que possamos compartilhar essa mensagem com todos vocês.

*

Era uma vez uma mãe, e com seu filho caminhavam à beira-mar. Estavam caminhando, pegavam pedrinhas, crustáceos para fazer colares e de repente a criança aperta a mão da mãe com força, a mãe olha para ele e vê que ele estava chorando.

  • Filho, o que está acontecendo filho? Por que você está chorando? O que são essas lágrimas, você não está feliz?
  • Sim mãe estou feliz.
  • Mas o que há de errado com você?
  • O fim do verão está chegando E a mãe disse: “Mas filho, vamos voltar para casa. Existe a escola, nossa casa, todos os nossos amigos. As pessoas se lembram de nós. E toda a nossa rotina. "
  • Não, mãe, eu não quero ir embora, eu quero ficar.
  • Mas por que?
  • Eu tenho um amiga. Tenho uma amiga que amo muito, e quero muito ela.
    Não quero deixá-la, quero ficar com ela, quero ficar aqui com ela. E a mãe sorriu, ergueu a cabeça para o céu, dizendo: "Oh meu Deus, começamos novamente “ . Não sei a que se referia aquela mãe, mas quem já passou sabe muito bem o que ela quis dizer. E então ele disse:
  • Venha, meu filho, você não quer ir embora porque você tem essa amiga que você ama, e você não quer deixá-la.
  • Não, mãe.
  • Bem, vou dar um exemplo e tenho certeza que você vai entender.
    Sente-se aqui na beira do mar. Os dois se sentaram, e a mãe pegou em suas duas mãos , ou seja, as mãos da mãe que estavam cheias de areia. Na mão direita estava cheia de areia, então ela começou a apertar forte, forte, forte, e na medida que a mãe fechava a mão, forte, forte, a areia ia escapando e estava escorregando caindo de volta para o mar.


    E na outra mão (na mão esquerda) ela também tinha enchido com areia, mas aquela estava aberta e a areia permaneceu intacta. Não havia se movido um grão , estava intacta. E a mãe disse , viu filho quando você ama alguém, acontece como na mão direita. De tanto querer e possuir, escapam e vão embora.

    \

    Mas se sabemos como deixar cada pessoa fazer sua própria vida, podemos ir para casa, ir para a escola, fazer sua lição de casa, encontrar seus novos amigos e aqueles que você já deixou. Quando você voltar, encontrará a mão cheia de areia novamente.

    Pois sua amiga ,aquela amiga que você tanto ama estará esperando por você e será um descanso estar com você.

    Você sempre tem que falar a verdade e você tem que amar com o coração e assim você manterá a amizade, e o amor.

    Essas foram as explicações e o exemplo da mãe para o filho, como tinha razão. Hoje queremos viver muito rápido, possuir tudo, mas deixamos escapar esses pequenos detalhes. Pensar que já fizemos muitas coisas, outro dia estava limpando os chuveiros com a escova de dentes usada, mas estava indo muito bem porque deixava os chuveiros bem limpos mas existe o momento de limpar.


    Outras vezes varri , limpei as lâmpadas, os lavabos , fizemos as camas a cozinha, as compras, cuidei do jardim, reguei , só vê o que se quer ver, mas se observarmos o que todo mundo faz ao longo do dia perceberíamos que deveríamos não chorar sobre nós mesmos , mas ao contrário .

    Alegrem-se porque no dia seguinte começaremos de novo.

    E assim aconteceu com a criança, não foi no dia seguinte, foi no ano seguinte que o amor voltaria a encontrar a sua alegria.

    Com carinho, minhas sementes, deste canto maravilhoso lhes envio as flores, seus cheiros de mel, o som dos pássaros e o amor de sua Jardineira .

    Vocês estão felizes por estarem bem, nós deixamos uma mensagem muito bonita.

    Lembrem-se que se quisermos tudo, perderemos, mas se guardamos pouco a pouco, teremos cada vez mais e poderemos ter os amigos e encontrar outros mais maravilhosos.

    Fiquem felizes , sempre deem graças a Deus e vivam em harmonia e paz. E hoje foi preenchido com alegria e felicidade.

Escreva seus comentários